Unimed VTRP comemora resultados do InnovatiOn e...

Conheça o Unimed Fone, o serviço de... Unimed VTRP

Em obras, Santa Casa de Misericórdia de Porto... Unimed VTRP

Lenço ou cabelo: um gesto simples pode fazer a diferença

Comunidade pode contribuir com doações na Casa da Unimed, no Parque da Oktoberfest, e levar autoestima para pacientes com câncer

13 de outubro de 2015

Aos 27 anos, Grazieli Kretschmer leva mensagens de autoestima para mulheres com câncer por meio do blog ‘Lutando com Vaidade’

 

“O lenço é como um escudo. Quando perdemos o cabelo, ele é nosso refúgio.” É assim que a jovem venâncio-airense Grazieli Kretschmer, de 27 anos, resume a importância do acessório para a autoestima de mulheres que, assim como ela, foram diagnosticadas com câncer. A esteticista luta há um ano e oito meses contra a doença. Para isso, ela conta com seus melhores aliados: o apoio da família, a força de vontade e o sorriso no rosto. Inspirada neste exemplo de superação, a Unimed Vales do Taquari e Rio Pardo (Unimed VTRP) lançou a campanha “Lenço ou cabelo, a melhor opção é a sua doação”.

Durante a realização da 31ª Oktoberfest, em Santa Cruz do Sul, a cooperativa médica recebe lenços e mechas de cabelo. Os acessórios podem ser de diversos tamanhos e cores, já as mechas de cabelo devem conter, pelo menos, 15 centímetros de comprimento. As doações podem ser feitas na Casa da Unimed, dentro do Parque, e serão destinadas a entidades da região que atuam no atendimento a pacientes oncológicos. Para Grazieli, uma pequena atitude pode fazer a diferença. “Esta ação da Unimed é muito importante, pois leva apoio, conscientização e prevenção às pessoas que estão na luta contra o câncer”, completa.

Diagnosticada com câncer de mama no início de 2014, Grazieli enfrenta a doença com muita positividade, servindo de inspiração para outras mulheres. “Em um primeiro momento fiquei desesperada, pois sempre fui muito vaidosa e trabalhava com estética, o que me exigia estar sempre bem arrumada. Foi aí que decidi que enfrentaria o tratamento com minha autoestima elevada”, recorda.

 

Medalhista de Eisstocksport, a paraguaia Antonia Ovelar doou mechas de cabelo e mostrou que é recordista também em solidariedade

 

Bom exemplo

Para incentivar o maior número de pessoas e reforçar a importância da prevenção, ela criou o blog ‘Lutando com Vaidade’, que atualmente conta com mais de cinco mil seguidores. “Meu objetivo é levar autoestima e beleza para todas as mulheres em tratamento contra o câncer, para que elas não percam a feminilidade e não desistam de lutar”, completa a jovem.

Movida pelo sentimento de fazer o bem, Antonia Ovelar, que mora na cidade de Assunção, no Paraguai, aproveitou sua passagem por Santa Cruz do Sul para ajudar ao próximo. Medalhista de Eisstocksport, Antonia doou 15 centímetros do seu cabelo e provou que, além do esporte, é recordista também em solidariedade. “Que o meu cabelo te encha de felicidade. Com muito carinho, Antonia”, foi a mensagem deixada pela paraguaia junto com sua doação.

 

Horários para doação

Quer participar? Acompanhe abaixo os dias e horários disponíveis para a doação de mechas de cabelo durante o último final de semana da 31ª Oktoberfest:

17/10 – 10h às 22h;

18/10 – 10h às 20h.

Obs: para a doação de lenços, o horário de funcionamento da Casa da Unimed será o mesmo da Feirasul, até as 22h.

 

Solidariedade o ano todo

Com o término da Oktoberfest, a Unimed VTRP se torna ponto de coleta de mechas de cabelo e lenços, nas regiões dos Vales do Taquari, do Rio Pardo e do Jacuí. Para quem estiver disposto a contribuir, a cooperativa médica vai receber as doações, ao longo de todo o ano, nos seus pontos de atendimento. Você pode fazer o corte no salão de sua preferência. As mechas devem conter pelo menos 15 centímetros, sem restrições quanto a tinturas ou químicas. O cabelo deve estar atado, dentro de um saco plástico.

Categoria: Unimed VTRP