10 fatos interessantes sobre amamentação Filhos e Gestação

Jeito de Cuidar Unimed VTRP: A história da... Filhos e Gestação

Vamos falar sério sobre hábitos saudáveis e... Saúde do Homem e da Mulher

Para crescer forte e saudável, aposte nos alimentos certos

16 de julho de 2015

A formação dos hábitos alimentares das crianças inicia cedo. As experiências sensoriais ocorrem todos os dias, desde que saem da barriga da mãe. A primeira delas acontece com o aleitamento materno, que propicia uma diversificação das escolhas alimentares da criança. A medida que vão crescendo, é necessário introduzir alimentos sólidos. Ao completarem seis meses, é possível mostrar novos sabores. Para isso, deve-se priorizar os naturais, sem excesso de sal e açúcar. Papas e sopinhas, além de suquinhos, são ideais para iniciar a alimentação dos pequenos.   Blog Unimed VTRP alimentação saudável para crianças   Para que a criança possa ter uma alimentação saudável, é fundamental oferecer frutas, verduras e legumes durante as diversas refeições e lanches do dia. Cereais como arroz e milho, tubérculos como as batatas, raízes como a mandioca, além de feijão, pães e massas também devem fazer parte da rotina alimentar das crianças. A cara feia para novos sabores não deve ser levada em conta logo. O ideal é que as crianças provem o mesmo alimento, pelo menos, entre 8 e 12 vezes antes de dizerem que não gostam. Para que eles se sintam estimulados, tente mudar a receita para agradar o paladar dos pequenos.   Blog Unimed VTRP Alimentação saudável para as crianças   Dicas para um prato colorido

  • Explique que os verdinhos — ou coloridinhos — podem fazer com que eles fiquem mais fortes;
  • Ofereça diariamente leite e derivados, como queijo e iogurte, nos lanches, e carnes, aves, peixes ou ovos na refeição principal de seu filho;
  • Alimentos gordurosos e frituras devem ser evitados – limite a uma vez por semana. Prefira alimentos assados, grelhados ou cozidos;
  • Evite oferecer refrigerantes e sucos industrializados, balas, bombons, biscoitos doces e recheados, salgadinhos e outras guloseimas no dia a dia;
  • Estimule a criança a beber bastante água e sucos naturais de frutas durante o dia, de preferência nos intervalos das refeições, para manter a hidratação e a saúde do corpo;
  • Faça apresentações diferentes dos alimentos. Monte bichinhos usando pedaços de frutas ou vegetais. O visual pode conquistar os pequenos;
  • Se a criança não quiser comer o que tem à mesa, espere até a próxima refeição para oferecer algo para comer;
  • Se a criança não quiser comer legumes ou verduras de forma natural, procure incluir na sopa, bolos ou suflês. Embora haja uma pequena perda nutricional, camuflar alimentos é uma boa opção.

Mas afinal, como tornar os alimentos mais atrativos para as crianças? Separamos algumas receitas fáceis e práticas que, sem dúvida, vão cair no gosto da criançada. Clique aqui e se delicie.   Blog Unimed VTRP Lanches Saudáveis para as crianças   Começar pelo exemplo É importante lembrar que as crianças precisam ser educadas pelos pais e não pelos vícios e tentações. É preciso estar atento a tudo, pois as atitudes dos pais são refletidas nas crianças. A forma de falar, andar, respeitar, o que ler…e também o que comer! Ou seja, educação alimentar é necessária dentro de casa. Envolver a criança no mundo dos alimentos é uma boa estratégia. Convide-a para acompanhar as compras, manusear os vegetais e ajudar a escolhê-los. Depois, envolva-as também no preparo das receitas para que elas tenham gosto por comida saudável. Faça de cada lanche ou refeição uma grande diversão!  

Categoria: #CuidarDeVocê