Ouvidoria

5 receitas de lanches rápidos e fáceis para... Alimentação Saudável, Coronavírus

Preparamos dicas de séries, músicas e podcast Coronavírus, Saúde Emocional

Cuidados com a pele das crianças no sol e no... Atividade Física, Filhos e Gestação

Mantenha-se ativo e resgate a sua disposição na aposentadoria

02 de setembro de 2015

Aposentadoria. Para muitas pessoas, este momento de transição da rotina intensa de trabalho para momentos onde a prioridade é o lazer e o descanso trazem inúmeras dúvidas e inseguranças. A partir de agora, como vai ser? Se você está passando por essa fase, saiba que descobrir novas atividades ou mesmo continuar trabalhando são formas que ajudam a se sentir integrado à sociedade e a evitar o tédio e a baixa autoestima. Dessa forma, o corpo e a mente só têm a ganhar. Especialistas garantem que aqueles que buscam prazer, realização pessoal e alegria de viver depois da aposentadoria vivem mais e melhor. Portanto, a aposentadoria é sinônimo de relaxar, curtir a família e os amigos, descansar, manter hábitos saudáveis e ser feliz.   Blog Unimed VTRP Idosos Vida saudável   Para lhe ajudar, separamos algumas dicas e atividades que podem contribuir para uma aposentadoria mais tranquila. Confira:

  • Faça parte de grupos de convivência e tenha hábitos de relacionamento;
  • Faça novas amizades – os laços afetivos contribuem para o bem-estar e trazer mais alegria;
  • Esteja aberto para novos aprendizados. Aprender uma nova língua ou investir em atividades de artesanato auxiliam no estímulo do raciocínio;
  • Crie projetos de vida – planejar viagens é uma ótima opção;
  • Alimente-se bem: manter uma rotina saudável traz mais disposição;
  • Pratique exercícios físicos regularmente;
  • Tenha bom relacionamento com a família – estar cercado das pessoas que amamos contribui para o bom humor e a autoestima;
  • Planeje-se financeiramente. Pensar no futuro e investir naquilo que realmente é necessário traz mais segurança.

  Blog Unimed VTRP Idosos Viver bem   Disposição não tem idade Ruth Flowers tinha 58 anos quando seu marido morreu. Apesar de amar sua vida de aposentada numa cidade turística de Portugal, um dia depois da perda, tudo a sua volta lembrava o marido e a deixava triste. Foi então que Ruth decidiu movimentar sua rotina e mudar tudo. Se tornou DJ. Hoje, aos 72 anos, ela faz vários shows por mês. A história da aposentada foi retratada recentemente no projeto The Age of Happiness, em português, A Idade da Felicidade, do fotógrafo russo Vladimir Yakovlev. Desde 2011 ele documenta histórias de pessoas acima dos 50 anos que desafiaram expectativas do envelhecimento.   Blog Unimed VTRP Viver bem depois dos 60 anos   Todos estes exemplos de superação e disposição estão registrados no livro e na página do Facebook, que levam o mesmo nome do projeto: “How would I like to be when I am 70?” (Como você gostaria de estar quando tiver 70?). Seja a incorporação de novas atividades, cursos ou mesmo de um novo trabalho, o importante é não ficar parado. Escolha uma atividade que combine com você e curta este novo momento da vida!  

Categoria: Atividade Física