Saiba quais são as frutas da primavera Alimentação Saudável

Como armazenar o leite materno? Alimente seu... Filhos e Gestação

Atividade física: leve, moderada ou intensa? Atividade Física

Outubro Rosa: foco na saúde da mulher como um todo

Estar atento aos sinais do corpo pode garantir uma vida longa e com muita qualidade. Em outubro - e em todos os meses do ano! - a Unimed VTRP e a Clínica de Oncologia Unimed trazem alertas e conteúdos importantes para sua prevenção!

30 de setembro de 2019

A cada ano, a lembrança da importância da prevenção da saúde da mulher fica mais evidente no décimo mês do ano. Durante o Outubro Rosa, entidades da sociedade civil realizam atividades de conscientização e prevenção ao câncer de mama. Em 2019, a Unimed Vales do Taquari e Rio Pardo (Unimed VTRP) e a Clínica de Oncologia Unimed se juntam mais uma vez ao movimento, e propõe um olhar mais abrangente. Além da prevenção ao câncer de mama, a proposta é estimular as mulheres a buscarem um olhar para a própria saúde como um todo. Isso é possível com a busca por hábitos mais saudáveis de vida.

“Olhar e observar o corpo com frequência é fundamental para manter a saúde sempre em dia. Ao perceber qualquer alteração, procure o seu médico de referência. O cuidado e a atenção contínua com a própria saúde são as melhores maneiras de prevenção. Quantas vezes por semana você tira alguns minutos para se observar? Quantas vezes por dia você para e olha para si mesmo? O Outubro Rosa conta com muitas atividades em toda a região, e é importante que possamos nos ver no coletivo, e falar sobre a importância da prevenção. No entanto, é fundamental também para cada um e cada uma de nós olhar para si, de maneira individual”, lembra a médica Bruna Fischer, hematologista e especialista em oncologia e Responsável Técnica pela Clínica de Oncologia Unimed.

Por isso, no Outubro Rosa, e em todos os meses do ano, é fundamental observar que, o olhar mais atento à saúde como um todo inclui uma alimentação saudável, uma prática regular de atividades físicas e a busca por hábitos que estimulem o equilíbrio emocional. Para ajudar todos a buscarem este equilíbrio, separamos quatro passos possíveis para pessoas de qualquer idade, ativas ou sedentárias.

“É importante cada um fazer sua parte, olhando mais para si, e ajudando a disseminar informações de credibilidade. Compartilhe este conhecimento com familiares e amigos, e estimule os cuidados com a saúde deles também. Formando essa corrente do bem, podemos fazer da prevenção uma prioridade na vida de todos”, complementa a médica.

4 PASSOS PARA CUIDAR DA SAÚDE NO OUTUBRO ROSA, E EM TODOS OS MESES DO ANO

– Observe seu corpo

Conforme a médica Bruna Fischer, hematologista e especialista em oncologia, este ponto é fundamental. “Orientamos a observação e cuidado com as mamas. Com todo o corpo, e com as mamas em especial. Sempre que perceber alguma alteração, procure o seu médico de referência. Mantenha em dia suas consultas rotineiras ao médico ginecologista ou mastologista. Isto pode fazer toda a diferença”, garante a especialista.

– Faça seus exames preventivos

A mamografia é o exame mais indicado para diagnosticar o câncer de mama. Ela pode detectar o câncer entre um e até quatro anos antes do aparecimento dos primeiros sintomas. O INCA recomenda que mulheres com idade entre 50 e 69 anos realizem o exame a cada dois anos. Aquelas que se encontram no grupo de risco – com histórico familiar da doença em parentes de primeiro grau antes dos 50 anos – devem ser avaliadas individualmente pelo médico, que poderá solicitar o rastreamento mais cedo. Porém, a confirmação do tumor só pode ser feita por meio do exame histopatológico, realizado a partir de uma biopsia. Além da mamografia, é fundamental manter os exames periódicos em dia, como o citopatológico, por exemplo.

– Proteja-se

Existem alguns hábitos saudáveis que podem ajudar na proteção contra o câncer de mama e outras doenças. Ter uma alimentação balanceada, praticar atividade física, evitar o sobrepeso e o consumo em excesso de bebida alcoólica são alguns deles. Mulheres que precisam fazer reposição hormonal devem sempre fazê-lo com acompanhamento médico. A amamentação também é um fator de proteção contra o câncer e outras doenças.

– Aposte na alimentação saudável

A saúde começa pelo prato. Ter uma dieta balanceada, com abundância de alimentos de origem vegetal e, preferencialmente, orgânicos ou agroecológicos  (livres de agrotóxicos). Recomenda-se também a inclusão, no dia a dia, de frutas, legumes, verduras, cereais integrais, leguminosas, sementes e nozes, além de evitar os alimentos processados e ultraprocessados.

De olho no câncer de mama

Tema principal do Outubro Rosa, o câncer de mama é uma doença decorrente da multiplicação de células anormais nas mamas, resultando em um tumor, que pode ou não chegar a outros órgãos. O tratamento pode ser bastante eficaz quando o tumor é diagnosticado e tratado rapidamente. Raro antes dos 35 anos, o câncer de mama tem incidência maior em mulheres acima de 50 anos.

É importante estar atento, pois é segundo mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, respondendo por cerca de 28% dos casos novos a cada ano. Fica atrás apenas do de pele não melanoma. O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando apenas 1% do total de casos da doença. “Embora pareça difícil, falar abertamente sobre o câncer pode ajudar a esclarecer mitos e verdades e, com isso, aumentar as chances de enfrentamento da doença”, reforça Bruna.

O Instituto Nacional de Câncer (Inca) estima que, somente em 2018, sejam diagnosticados 59,7 mil novos casos de câncer de mama no Brasil. “Os dados preocupam e, por isso, precisamos abrir espaço para discussão. A cura do câncer de mama está relacionada ao diagnóstico precoce, pois nos estágios iniciais da doença as lesões ainda são pequenas. Portanto, diagnosticar a doença o quanto antes, e mudar hábitos, buscando uma rotina mais saudável para o corpo e para a mente são os primeiros passos”, finaliza.