Amamentar Talk: Participe do evento online e... Coronavírus, Filhos e Gestação

PCR ou teste rápido: qual a melhor alternativa... #CuidarDeVocê, Coronavírus

Afinal, por que temos alergias? Alimentação Saudável, Coronavírus

O que te faz feliz?

29 de junho de 2016

Ao olhar um copo com água até a metade, algumas pessoas dirão que ele está meio cheio, outras, que está meio vazio. Ou seja, é uma questão de ponto de vista. Assim é a vida. E no intuito de descobrir o que leva uma pessoa a sentir-se plena, “a enxergar o copo meio cheio”, a psicologia positiva estuda os fundamentos psicológicos do bem-estar e da felicidade, assim como os pontos fortes e virtudes humanas. Confira abaixo como funciona a psicologia positiva, como aplica-lá no dia a dia, nas mais diversas áreas da vida e entenda sua origem. Surgiu em 1998, nos Estados Unidos, e seu precursor foi Martin Seligman, entendendo que a proposta da psicologia positiva deveria focar as forças e virtudes humanas que levassem os indivíduos ao florescimento (“flourishing”).   Blog Unimed VTRP O que te faz Feliz   De acordo com Seligman, o foco exclusivo na doença nem sempre leva à melhora e remissão de sintomas. As emoções negativas, como pessimismo, raiva e depressão, podem estar associadas ao adoecimento. Por outro lado, pessoas otimistas e com alto grau de satisfação costumam aderir melhor às prescrições médicas, cuidam melhor da alimentação e são mais predispostas à melhor qualidade de vida e saúde física. Neste contexto, com uma outra perspectiva, nasce a psicologia positiva, que se propõe a analisar as emoções positivas, as qualidades humanas e as instituições positivas (organizações que se propõem a trabalhar os conceitos de ética e satisfação pessoal). O estudo desta ciência aponta cinco fatores aos quais pode ser atribuída a felicidade (veja abaixo).   Blog Unimed VTRP A busca pela felicidade   Fatores que levam à felicidade Segundo a psicologia positiva, a felicidade está associada aos seguintes fatores: Emoções positivas São emoções agradáveis de serem sentidas e que promovem a aproximação entre as pessoas. Alegria, prazer, esperança, otimismo, fé, perdão e gratidão são alguns exemplos; Significado Trata-se do senso de propósito. As pessoas precisam ter um significado para suas vidas;   Blog Unimed VTRP Itens que contribuem para a felicidade   Engajamento É a dedicação, o envolvimento que o indivíduo tem em determinada tarefa, usando aquilo que tem de melhor a oferecer; Realização Pode ser considerada consequência de elementos interiores. Se a pessoa tem propósito e engajamento, certamente terá realização na vida; Relacionamentos Este ponto refere-se aos relacionamentos gratificantes e edificantes, aqueles nos quais a pessoa sente um grau de satisfação pelas vivências compartilhadas, atribuído ao seu bem-estar.   Gostou? Quer saber mais sobre o assunto? Então clique aqui e acesse a revista Simples Assim, publicação produzida pelo Marketing da Unimed VTRP.  

Categoria: #CuidarDeVocê