Ouvidoria

Sou um desastre na cozinha… Por onde eu... Alimentação Saudável, Coronavírus

Alimentos que fortalecem a imunidade: você vai... Alimentação Saudável, Coronavírus, Outubro Rosa

Seu filho não quer comer? Como lidar? Alimentação Saudável, Coronavírus, Filhos e Gestação

Higienização + cuidado: é possível se prevenir e manter a pele saudável

Uso de um sabonete com PH neutro ou glicerinado pode amenizar um pouco o ressecamento

20 de abril de 2020

Quantas vezes por hora você lava a mão atualmente? Muitas pessoas se impressionam ao se dar conta de como este hábito realmente – e felizmente! – está incorporado em nossa rotina. Mas, com tantas lavagens, e muitas vezes utilizando álcool em gel em locais públicos ou ambientes de trabalho, como manter a saúde e mesmo a hidratação da pele?

A grande dica com relação é a união entre higienização e cuidado. Existem muitas opções, e vale a pena pensar e planejar bem as compras de produtos que terão contato com nosso corpo para evitar dores de cabeça.

Água e sabão ou álcool gel?

Conforme o dermatologista Sandro Gularte Duarte, médico cooperado da Unimed Vales do Taquari e Rio Pardo (Unimed VTRP), o álcool líquido e álcool gel 70º são importantes para higienização das mãos e dos braços. Porém, sempre a higienização com água e sabão é preferível como proteção ao novo coronavírus.

“Vai nos ajudar mais, pois durante a lavagem, além do sabão quebrar as moléculas de gordura, a fricção mecânica das mãos é mais eficiente para realizar a limpeza”, lembra.

Como evitar o ressecamento da pele?

Duarte lembra também que pode haver ressecamento causado pelo álcool. “Se a gente não cuida e não hidrata bem a pele, logo, logo pode se transformar numa dermatite”, alerta. Por isso conforme o especialista, a versão em gel é menos agressiva, e a mais recomendada.

Outra dica importante para evitar problemas com a pele neste período é a hidratação. Com tantas lavagens, é normal que a pele fique ressecada. O especialista sugere o uso um hidratante, principalmente para quem aumentou bastante o número de lavagem das mãos.

“Sentiu que está ressecando, já pode aplicar, ou até mesmo de forma preventiva”, diz.

Para evitar este ressecamento, o médico cooperado da Unimed VTRP deixa mais uma dica. O uso de um sabonete com PH neutro ou glicerinado pode amenizar um pouco este processo.

E qual a forma correta da lavagem de mãos?

Basicamente, devemos lavar as mãos com muita mais frequência que antes. A forma correta pode ser realizada em oito passos:

  1. Molhe a mão, coloque sabão líquido ou esfregue a barra de sabonete e comece a lavagem esfregando uma mão na outra. Esfregue bem!
  2. Coloque uma mão em cima da outra, para higienizar as “costas” delas e, principalmente, a região entre os dedos. Faça isso com as duas mãos, e esfregue bem!
  3. Repita o processo de limpeza com os dedos cruzados, agora com as palmas juntas.
  4. Para limpar as unhas, deixe as mãos em forma de concha e faça movimentos circulares na palma da outra mão.
  5. Limpe bem o dedão, pois geralmente esquecemos dele!
  6. Use água corrente para tirar todo o sabão (e as bactérias) de sua pele.
  7. Feche a torneira com um papel ou uma toalha para não se sujar de novo.
  8. Por fim, seque bem as mãos com uma toalha limpa ou um pedaço de papel.

A gente não sabia que tinha tanta ciência assim, mesmo para limpar as mãos, não é verdade? Se você ainda tem dúvidas, veja este vídeo divulgado pelo Ministério da Saúde:

Lembre-se: caso seja possível, fique em casa! Em caso de sintomas suspeitos de Covid-19, clientes Unimed podem ligar para o Disque Coronavírus, pelo 0800 051 78 00 ou realizar uma consulta em vídeo, com um médico da Unimed VTRP, pelo PA Virtual. Para a consulta no PA, basta clicar aqui e seguir o passo a passo.

Categoria: Coronavírus