Amamentar Talk: Participe do evento online e... Coronavírus, Filhos e Gestação

PCR ou teste rápido: qual a melhor alternativa... #CuidarDeVocê, Coronavírus

Afinal, por que temos alergias? Alimentação Saudável, Coronavírus

Coronavírus no RS: quais os públicos de maior risco? O que fazer para me proteger?

12 de março de 2020

_______________________________________________________________

DISQUE CORONAVÍRUS UNIMED – 0800 940 78 00

Com o avanço da pandemia do Coronavírus, as autoridades pedem a todos que evitem aglomerações e idas desnecessárias a emergências e pronto-atendimentos de hospitais. Por isso, criamos o Disque Coronavírus Unimed, um canal especial, específico, para que você possa receber orientações de confiança sem precisar sair de casa.

Você ou alguém da sua família estão com sintomas suspeitos? Ligue o quanto antes para o 0800 940 78 00, e saiba como agir. Os médicos e profissionais de saúde do Disque Coronavírus Unimed lhe dirão qual a melhor conduta a seguir, seja permanecer em casa, entrar em contato com o serviço de Atenção Integral à Saúde Unimed ou, em casos graves, buscar um serviço de saúde.

Clientes que possuem em seu plano acesso ao Unimed Fone também contam com orientações de saúde sem sair de casa. Basta ligar para o 0800 730 04 00, nos mesmos casos do Disque Coronavírus Unimed.

_______________________________________________________________

Atualizado às 16h30 de 16/03/2020

Os primeiros casos confirmados da doença que está agindo em escala global foram confirmados em nosso estado. Agora que o Coronavírus chegou ao Rio Grande do Sul, quais os principais cuidados que devemos tomar? Quais os públicos de maior risco? Quanto tempo a doença vai ficar no Brasil?

Conforme o Ministério da Saúde, as próximas 20 semanas podem ser críticas.

Por isso, é importante repetir em todos os momentos: a única forma de proteção conhecida até o presente momento é a prevenção. Principalmente para os públicos de risco.

Agora, vamos falar um pouco mais sobre as pessoas mais vulneráveis a esta doença.

AFINAL, QUAIS SÃO OS PÚBLICOS DE RISCO DO CORONAVÍRUS?

A taxa de letalidade da doença, ou seja, a quantidade de pessoas mortas em relação ao total de diagnosticadas, é de 3,4%. É uma cifra maior que a do sarampo —2,2%— , e bem maior que a gripe, que é de 0,1%. Em 2009, quando se propagou a chamada gripe suína, estima-se que 200 mil pessoas tenham morrido.

A disseminação do Coronavírus é séria, sendo que é um vírus diferente dos que circulavam até então. E mais: o risco de contágio é relativamente alto, e devemos proteger as pessoas acima de 60 anos com comorbidades.

A prevenção é fundamental para todos. Mas estes públicos devem ficar em alerta maior que os demais:

  • Pessoas acima de 60 anos
  • Pessoas que viajaram recentemente para países da Europa, para a China ou outros países com casos confirmados da doença
  • Pessoas que tiveram contato com algum infectado nos últimos dias

E QUAL A MELHOR FORMA DE ME PROTEGER?

Separamos a lista com as informações fundamentais.

E, lembre-se: em caso de dúvida, procure o seu serviço de atenção primária a saúde mais próximo! Evite pronto-atendimentos, emergências e grandes aglomerações de pessoas.

Categoria: Coronavírus