Ouvidoria

Cuidados com a pele das crianças no sol e no... Filhos e Gestação

Sou um desastre na cozinha… Por onde eu... Alimentação Saudável, Coronavírus

Alimentos que fortalecem a imunidade: você vai... Alimentação Saudável, Coronavírus, Outubro Rosa

Coronavírus no RS: quais os públicos de maior risco? O que fazer para me proteger?

12 de março de 2020

_______________________________________________________________

DISQUE CORONAVÍRUS UNIMED – 0800 051 78 00

Com o avanço da pandemia do Coronavírus, as autoridades pedem a todos que evitem aglomerações e idas desnecessárias a emergências e pronto-atendimentos de hospitais. Por isso, criamos o Disque Coronavírus Unimed, um canal especial, específico, para que você possa receber orientações de confiança sem precisar sair de casa.

_______________________________________________________________

Atualizado às 16h30 de 16/03/2020

Os primeiros casos confirmados da doença que está agindo em escala global foram confirmados em nosso estado. Agora que o Coronavírus chegou ao Rio Grande do Sul, quais os principais cuidados que devemos tomar? Quais os públicos de maior risco? Quanto tempo a doença vai ficar no Brasil?

Conforme o Ministério da Saúde, as próximas 20 semanas podem ser críticas.

Por isso, é importante repetir em todos os momentos: a única forma de proteção conhecida até o presente momento é a prevenção. Principalmente para os públicos de risco.

Agora, vamos falar um pouco mais sobre as pessoas mais vulneráveis a esta doença.

AFINAL, QUAIS SÃO OS PÚBLICOS DE RISCO DO CORONAVÍRUS?

A taxa de letalidade da doença, ou seja, a quantidade de pessoas mortas em relação ao total de diagnosticadas, é de 3,4%. É uma cifra maior que a do sarampo —2,2%— , e bem maior que a gripe, que é de 0,1%. Em 2009, quando se propagou a chamada gripe suína, estima-se que 200 mil pessoas tenham morrido.

A disseminação do Coronavírus é séria, sendo que é um vírus diferente dos que circulavam até então. E mais: o risco de contágio é relativamente alto, e devemos proteger as pessoas acima de 60 anos com comorbidades.

A prevenção é fundamental para todos. Mas estes públicos devem ficar em alerta maior que os demais:

  • Pessoas acima de 60 anos
  • Pessoas que viajaram recentemente para países da Europa, para a China ou outros países com casos confirmados da doença
  • Pessoas que tiveram contato com algum infectado nos últimos dias

E QUAL A MELHOR FORMA DE ME PROTEGER?

Separamos a lista com as informações fundamentais.

E, lembre-se: em caso de dúvida, procure o seu serviço de atenção primária a saúde mais próximo! Evite pronto-atendimentos, emergências e grandes aglomerações de pessoas.

Categoria: Coronavírus